5 dicas básicas sobre WordPress

[ad_1]

Quem gerencia qualquer negócio provavelmente deve ter um blog ou um site. Isso é a base para prometer uma presença online adequada. 

Aliás, quando se fala em presença do dedo, ter um domínio e investir em um serviço de web host também é fundamental. Leste são os recursos básicos para colocar qualquer negócio na web.

O domínio confere mais credibilidade, assim porquê o bom serviço de host que é responsável por deixar um projeto mais seguro e fixo na web. 

Já que o ponto é a geração de um site ou blog, seja para um gestor elaborar teor para a sua empresa ou para um freelancer propalar o seu próprio portfólio, logo é bom escolher muito muito qual será a plataforma de gerenciamento.

Nesse caso, todos os caminhos apontam para o WordPress, famoso por ser intuitivo e versátil, sendo uma magnífico instrumento para quem precisa fabricar um site institucional ou qualquer outro projeto web. 

Por isso, para você que tem a intenção de se aventurar no WordPress, ou até mesmo já conta com ele e pretende compreender melhor as suas funcionalidades, dê uma conferida nesse cláusula. 

 A influência do WordPress

Se você escolheu a plataforma WordPress, parabéns, pois o seu negócio está em boas mãos. Não custa lembrar que até gigantes do mercado, porquê a CNN e a Walt Disney utilizam essa famosa instrumento.

Entre os atrativos do WordPress vale primar a sua ampla variedade de templates, tanto gratuitos porquê os premium. Se você quer gerar um blog sobre esportes, com certeza encontrará um tema para esse isso.

Quer gerar um site para a sua pet shop? Certamente também irá encontrar um bom template que seja adequado para esse segmento de negócio. 

Quando o matéria é WordPress, não dá para olvidar também de outra particularidade muito importante: a enorme oferta de plugins.

Os plugins são extensões e pequenos programas que servem para “anabolizar” o seu site ou blog ou site com mais funcionalidades. O WordPress disponibiliza vários deles, tendo plugins para otimizar imagens, para facilitar nas técnicas de SEO, enfim, alternativas não faltam.

Não é por casualidade que, pelo trajo de ser tão requisitado, empresas de web host hoje em dia já disponibilizam a hospedagem WordPress, que é um serviço de hospedagem otimizado para essa plataforma.

Conheça 5 dicas para você aproveitar melhor o seu WordPress

Apesar de ser intuitivo, é importante permanecer por dentro de várias dicas e macetes capazes de tornar essa plataforma ainda mais eficiente, perfeita para os seus objetivos e tipos de negócio. Vamos ver quais são? 

1 – Plugins, utilize com moderação

Já mencionamos cá sobre uma das principais características do WordPress, que é a sua ampla variedade de plugins.

Ainda que essas extensões sejam importante e tenham o objetivo de turbinar o seu site ou blog com mais recursos, não é bom exagerar. Para tudo na vida é necessário buscar um estabilidade e no caso dos plugins do WordPress a situação não é dissemelhante.

Instalar muitos plugins deixa o seu site mais pesado, ocasionando com isso a lentidão na hora de perfurar as páginas. Nesse caso, não custa ressaltar que site lento é um pouco que contraria alguns dos principais conceitos da Experiência do Usuário.

Inclusive, isso afeta de forma negativa as práticas de SEO, atrapalhando o posicionamento do seu site nos resultados dos buscadores porquê o Google.

O ideal nesse caso é instalar somente aqueles plugins que realmente serão relevantes para o seu site ou blog. Alguns são muito importantes, porquê por exemplo, o Yoast SEO, que auxilia o seu site a se tornar amigável aos algoritmos de procura.

Se o seu projeto online em WordPress for uma loja virtual, o plugin adequado é o WooCommerce, que apresenta uma série de recursos capazes de facilitar a gestão de um e-commerce.

2 – Torne o seu WordPress mais rápido

Velocidade de carregamento combina com as boas práticas de SEO. Nesse paisagem, até já mencionamos mais supra que recontar somente com os plugins necessários ajuda a deixar o seu site mais ligeiro.

Porém, quando se trata de melhorar o desempenho na hora de carregar as páginas, é provável recontar com outras dicas. Uma delas é utilizar poucas informações na sua Home. Muitos elementos deixam o carregamento mais lento.

Outra dica diz reverência ao uso adequado das imagens. Aquelas imagens que contam com uma solução muito subida também dificultam o carregamento. O ideal nessa situação é utilizar imagens com baixa solução ou reduzi-las. 

Inclusive, é provável utilizar plugins aptos para a otimização de imagens, exclusivamente para referir alguns deles estão o WP Smush e o reSmush.it.

3 – Melhore a segurança

A velocidade de um site é tão valiosa quanto a sua segurança. E isso diz muito sobre a Experiência do Usuário. Ainda muito que é provável substanciar a segurança no WordPress.

Promover atualizações constantes é uma boa maneira de torná-lo mais seguro. Se você manter o seu WordPress atualizado, é provável diminuir várias vulnerabilidades que o seu blog ou site pode apresentar ao longo do tempo.

Usar senhas fortes também é importante, pois senhas fracas são portas abertas para hackers. A dica, nesse caso, é dificultar ao sumo. Misture números, letras e caracteres especiais.

Fique discreto também para a permissão de arquivos. Na hora de instalar o WordPress, as permissões de arquivos usadas são aquelas previamente definidas.

Porém, com o passar do tempo elas acabam se tornando vulneráveis. Por isso, depois de efetuar a instalação, escolha redefinir as permissões das pastas e arquivos.

4 – Opte por otimizar as URLs das postagens

As urls das postagens não são meros detalhes. Elas possuem função importante quando se trata de técnicas de SEO. É por isso que a otimização da URL no WordPress deve ser sempre levada em consideração.

URL boa é URL otimizada. Para isso ocorrer, todas as palavras contidas nela devem apresentar um sentido.

Por outro lado, uma URL considerada “não-amigável” apresenta elementos que não dizem zero, porquê, por exemplo, pontos, hífens e números. Isso atrapalha o ranqueamento adequado do seu site.

Lembre-se que o WordPress apresenta recursos que permitem intercalar o padrão da URL, a tornando mais amigável. Esse processo de otimização, porquê muita coisa relacionada com essa plataforma, pode ser realizado de maneira rápida e simples.

Para isso, você deve ir no pintura de gestão do WordPress e acessar a opção “Configurações”. Depois é preciso clicar na opção “Links Permanentes”.

Assim você vai se deparar com algumas opções já definidas de urls. O recomendado nesse caso é escolher urls que não apresentam números e outros recursos que podem dificultar o entendimento pelos usuários e pelos mecanismos de procura.

5 – Otimize o banco de dados

O banco de dados de um site guarda todos os tipos de dados e informações que chegam até ele, tais porquê conteúdos, logins, senhas, comentários e spams. É por isso que, vez ou outra, é bom fazer uma faxina nele.

Para fazer isso, é recomendável instalar um plugin de otimização de banco de dados, porquê o WP-Optimize ou o Advanced Database Cleaner.

Para fazer isso, é recomendável instalar um plugin de otimização de banco de dados, porquê o WP-Optimize ou o Advanced Database Cleaner. Os dois removem de forma automática dados que já não são mais necessários ao seu site.

O WordPress está no top 10 das plataformas preferidas pelos usuários

Tanto pelos usuários que atuam na extensão de programação e conhecem linguagens e recursos para programar, quanto os usuários leigos no objecto.

Portanto, ao colocar em prática as dicas citadas supra, além de ter à disposição um bom serviço de web host, você verá o WordPress irá ajudar muito o seu projeto, seja ele um site ou um blog pessoal.

E logo, o que achou das dicas e macetes? Conhece alguma outra dica bacana sobre WordPress? Deixe sua imposto nos comentários.

Veja também:


[ad_2]
Fonte