Porquê escolher o pantalha ideal na hora da decoração? Aprenda com dicas de expert!

[ad_1]

Um projeto de iluminação muito feito pode tornar os ambientes mais relaxantes, convidativos e personalizados, além de primar o que há de melhor na decoração da lar. Peças porquê lucivelo, luminária de mesa e luminária de soalho complementam a iluminação principal e se dão muito muito em livings, dormitórios, escritórios e cantinhos de leitura.

Na hora de escolher qual é o pantalha ideal, a arquiteta Carina Dal Fabbro explica que é importante pensar que cada envolvente pede uma intensidade e um tipo de luz adequados. “O ponto de partida é compreender que cada cômodo se destaca por demandas e momentos diferentes. Quartos e cantinhos feitos para relaxar, por exemplo, pedem luzes mais baixas e intimistas. Por outro lado, a cozinha, banheiro e extensão de serviço precisam de mais claridade e uma iluminação eficiente”, diz.

Veja também:

No tocante aos modelos, tamanhos e materiais, o mercado da iluminação é democrático para todos os gostos e bolsos e possui uma variação que atende todas as demandas e os estilos decorativos. Confira!

Lucivelo
© Fornecido por Decor Style

Com toda a decoração em tons neutros e linhas retas, o lucivelo Foto: Bruno Cardi

De origem francesa, abat-jour revelava o intuito de ‘baixar a luz’ ou ser um ‘quebra-luz’. Por isso, a peça sempre é acompanhada por uma espécie de envoltório, que atenua o efeito da luz direta emitida pelo objeto. Além de oferecer um ponto extra de iluminação, o lucivelo complementa a decoração com aconchego e, por isso, está sempre presente nas áreas intimas. “Ele é perfeito para aquela leitura ou o momento gostoso de uma conversa antes de dormir. É o par ideal das mesas de cabeceira”, destaca Carina.

Em livings e salas de estar, o ideal é que o pantalha tenha a cúpula ensejo na secção de cima e disponha de largura suficiente para que a luz se espalhe no envolvente. Os estilos e materiais são diversos: clássicos, modernos, contemporâneos, industriais e estilizados produzidos em vidro, inox, madeira, ferro e até mesmo plástico.

© Fornecido por Decor Style   © Fornecido por Decor Style   © Fornecido por Decor Style

Luminárias de piso confeccionadas em metal são comuns e fáceis de serem combinadas. Para os mais ousados, uma referência é investir em peças de madeira que, além de relembrar o originário, oferecem verticalidade ao envolvente Primeira foto: Rafael Renzo profissional é evitar posicionar a luminária em locais de circulação.

Luminárias Divertidas
© Fornecido por Decor Style

Completando o estilo meigo das duas irmãs, as luminárias em formato de olhos fechados proporcionam uma decoração jubiloso e criativa. O lucivelo, pequeno e quebradiço, acrescenta mais um ponto de luz ao envolvente Foto: Rafael Renzo

Personificar a lar é o libido de quem investe em luminárias decorativas com formatos e cores diferentes. Para não errar na escolha, Carina explica que, junto com a originalidade, é sempre relevante calcular se a referência feita pelo novo objeto harmoniza com as demais informações já existentes na decoração. “Luminárias em formato de cogumelo, por exemplo, podem ser um elemento entusiasmado e afetivo para quem é do universo geek, mas não fariam o menor sentido quando colocadas em um espaço com estilo mais clássico”, finaliza a arquiteta.

Foto de destaque: Projeto: Arquiteta Carina Dal Fabbro/Foto: Rafael Renzo

Fique por dentro de nossas notícias na página do DecorStyle no Facebook ou no nosso site  www.decorstyle.ig.com.br

The post Porquê escolher o lucivelo Decoração de quarto, sala, cozinha, banheiro, varanda, morada Grifes, tendência, formosura, carros, iates, mansão, viagens e subida gastronomia.


[ad_2]
Fonte