Porquê Rede Jornal Contábil

[ad_1]

Saber porquê trabalhar com marketing de nicho é vital para todo MEI. Enfim de contas, os mais de 11 milhões de inscritos no programa representam micro empresas que atuam em áreas normalmente muito específicas e com regras próprias de funcionamento e contexto.

Não dá para confrontar, por exemplo, com empresas de ponta e em áreas muito concorridas e badaladas. Nem no orçamento e nem nas estratégias usadas.

Por isso, o Microempreendedor Individual precisa entender o que ele pode fazer para conseguir mais clientes para o seu negócio, mesmo quando não tem quantia para contratar um time de marketing para cuidar dessa extensão.

É preciso ter em conta, evidente, que o MEI tem um limite de faturamento nos R$ 6.750,00 mensais (ou R$ 81.000,00 anuais). Portanto, considerando preços de dispêndio e outras despesas, não tem muito espaço para um time de marketing contratado.

E aí, quer aprender porquê trabalhar com marketing de nicho e trazer alguns novos clientes para você? Logo siga a leitura do cláusula aquém!

Estas 3 ações definem o sucesso de sua estratégia antes mesmo de começá-la. Elas valem para todos os tipos de marketing, todos os nichos e todos os tamanhos de empresa.

São elas:

1. Conheça muito o seu público: Entender as necessidades de seu público é principal para traçar estratégias de marketing de sucesso.

2. Respeite seu budget: Ultrapassar o orçamento talhado ao marketing é um erro generalidade que pode levar a desastres financeiros porquê nunca restabelecer seu investimento.

3. Seja consistente: Independente do nicho a ser trabalhado, a média de tempo de resposta de uma estratégia de marketing é entre 3 e 6 meses, logo mantenha a consistência para não interferir nos resultados.

E porquê trabalhá-las em seu segmento? Segue aquém alguns exemplos de nichos e suas ações de marketing!

1. Marketing para arquitetura

A espaço de arquitetura é bastante visual e a melhor forma de atrair mais clientes é criando um portfólio virtual mostrando todos os trabalhos muito-sucedidos de sua empresa.

Neste site, além do portfólio, você pode trabalhar técnicas de SEO, para se tornar número 1 nas buscas do Google em palavras-chave importantes para seu negócio.

Se houver um endereço fixo, coloque-o no Google Maps utilizando o Google Negócios, para atrair mais pessoas da mesma região.

2. Marketing para e-commerce

A prioridade do e-commerce deve ser comparecer nas principais ferramentas de pesquisa do Google para compras, porquê o Google Shopping, Google Anúncios e Imagens.

As duas primeiras opções são alcançadas com investimento pago, de pacto com o seu orçamento, e a segunda é alcançada usando palavras-chave otimizadas na descrição de imagem de seus produtos.

Redes sociais porquê o Facebook e Instagram também trazem bons resultados para lojas virtuais, por permitir conseguir mais de seu público-cândido e fabricar conexões pessoais e emocionais com ele. 

3. Marketing para médicos

Referências e avaliações positivas são as principais buscas feitas por pacientes quando estão à procura de serviços médicos.

Portanto, crie perfil em sites de listas de cadastros de profissionais de saúde, preencha dados importantes porquê ‘convênios trabalhados’ e se atende ‘telemedicina’, e aguarde seus pacientes avaliarem o atendimento recebido.

Designed by @rawpixel.com / freepik
Designed by @rawpixel.com / freepik

Tenha também um site profissional, com informações detalhadas de serviços prestados, dados para contato e artigos específicos para SEO, para fazer o trabalho de ranqueamento no Google.

Por falar no Google, não esqueça que 26% dos brasileiros primeiro vão ao buscador quando sentem qualquer sintoma médico.

Ou seja: ele deve ser a peça meão na sua estratégia publicitária, pois permitirá atrair potenciais clientes e se posicionar porquê mando.

Use o Google para atrair muitos visitantes ao seu blog e depois direcioná-los para uma lista de e-mails ou para a sua página no Instagram.

Isso gerará muitos novos pacientes, pois posicionará seu perfil porquê o de uma domínio no tema.

Esse tipo de posicionamento é muito importante na espaço médica e costuma ser decisivo na hora do cliente fazer a sua decisão de compra.

4. Marketing odontológico

O Marketing Odontológico compartilha muitos elementos em comuns com o Marketing para Médicos, mas também tem alguns pontos de divergência muito específicos.

Um deles é o indumento de ser uma extensão muito mais visual do que a maioria dos segmentos médicos. Não todos, evidente, mas muitos deles.

Por isso, há muita oportunidade para trabalhar com fotos de “antes” e “depois” (seguindo as regras do Recomendação Federalista de Odontologia, evidente) e com referências visuais de procedimentos, resultados e equipamentos.

Aliás, há muita margem para ações de produção de teor, tanto nas redes sociais, quanto no Google.

Existem muitas dúvidas sobre procedimentos e outros tantos ganchos que atrairiam muitos interessados.

Não é à toa que existam agências porquê a Fluir Publicidade, especializada em Marketing Odontológico.

5. Marketing para prestação de serviços lugar

Muitas das dicas que demos cá servem para profissionais que atendem todo o Brasil ou cujos clientes têm processo de tomada de decisão de compra com grande influência da Internet.

Por exemplo, o Marketing para E-Commerce ou o Marketing Odontológico.

Mas o que fazer quando você é, digamos, um chaveiro e precisa propalar seu serviço localmente? Quais as estratégias de marketing nesse caso?

O ideal é estar muito posicionado no Google Meu Negócio. Essa é a instrumento principal para quem atua localmente. Seu cliente muito provavelmente procurará por uma empresa igual a sua na Internet e, portanto, é lá que você deve estar.

Ele verá no Google Meu Negócio os principais negócios próximos dele no planta e fará sua decisão de compra. Esteja lá para conseguir essas oportunidades.

Pronto! Agora que você já viu porquê trabalhar com marketing de nicho, poderá montar uma estratégia básica para o seu negócio.

É evidente que o teor listado cá não abrange todos os cenários possíveis dentro desse tema, mas já é o suficiente para você montar uma estrutura adequada para atrair clientes para a sua atuação profissional e conseguir aumentar seu faturamento.

Gostou do teor? Logo não esqueça de deixar um glosa aquém!

Dica Extra do Jornal Contábil: MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar porquê MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. 

Já imaginou forrar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com toda burocracia, risco de inadimplência e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta.

E o melhor é que você pode aprender tudo isso em somente um final de semana. Uma opção rápida e eficiente é o curso MEI na prática.

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio. 

Quer saber mais? Clique cá e mantenha sua empresa MEI em dia!


[ad_2]
Fonte